Search for a Property:
Minimum Price:
Maximum Price:
Minimum Rooms:
Minimum Bathrooms:
Choose a City

Alternativas para viver legalmente nos EUA

Statue of Liberty (2)

Embora a solução mais rápida e fácil para a obtenção do green card americano (residência permanente) seja através do Programa EB-5 (CLIQUE AQUI para receber mais informações), sabemos que para muitos esta alternativa está fora de cogitação neste momento. Seja porque não dispõem agora da quantia necessária, ou por qualquer outra razão…

 

Pensando nisso, e porque temos interesse em que você tenha a oportunidade de viver nos EUA, a Florida 360 Realty oferece, através de nosso nosso serviço de Concierge & Relocação de Estrangeiros (CLIQUE AQUI  para mais informações), um planejamento estratégico, customizado para cada cliente, pois “cada um é cada um”, certo?

 

Para esta matéria, e com a orientação de nossos parceiros e advogados de imigração, fornecemos abaixo 3 alternativas e as respectivas estratégias para a sua implementação.

 

E, novamente, como cada caso é um caso, precisaremos discuti-las mais a fundo com você, caso seja de seu interesse.   Como sempre, estaremos ao seu dispor.

 

 

 E-2 Visa

Visto de Negócios E-2 (através do Tratado Comercial entre EUA e vários países):

(link ao website da USCIS onde você poderá ver todos os detalhes deste visto: CLIQUE AQUI

Cidadãos de países que mantêm um tratado comercial com os EUA podem abrir ou comprar uma empresa ou negócio e viver legalmente nos EUA (incluindo cônjuge e filhos menos de 21 anos), enquanto mantiverem o negócio ativo e faturando.

 

É uma excelente opção para quem é empreendedor, dispõe de um pequeno capital (a partir de $100 mil dólares) e não queira depender de conseguir um emprego para sustentar a si e a sua família enquanto estiverem vivendo nos EUA.

 

Para colocar esta estratégia em prática, o interessado deverá:

 

1. Ser cidadão e ter o passaporte de um dos países que mantêm tratado comercial com os EUA (CLIQUE AQUI para acessar uma lista completa).

 

2. Dispor de um capital de no mínimo 100 mil dólares para adquirir um negócio já existente ou abrir um negócio novo.   Não é necessário comprar ou montar o negócio antes de aplicar para o visto; pode-se submeter juntamente com a petição para o visto o contrato de compromisso de compra de um negócio/comércio ou então um plano de negócio se irá montar um novo.

 

3. Preferencialmente empregar cidadãos americanos (quanto mais, melhor)

 

4. Fazer parte da gestão da empresa, não tendo permissão para trabalhar em nenhum outro local que não a sua própria empresa ou negócio.

 

Como a Florida 360 Realty e seus parceiros, poderão ajudá-lo se essa for a melhor opção para você:

 

1. Um de nossos advogados de imigração afiliados cuidarão da sua petição para o visto e o orientará em quanto à documentação e tudo o que for necessário para a submissão da petição.

 

2.Um de nossos corretores fará a busca e corretagem de um negócio que esteja à venda e que qualifique para o visto E-2, sem custo para você (a nossa comissão é paga pelo vendedor do negócio). Como alternativa, também contamos com parceiros que constituem e colocam em operação novas empresas ou pontos comerciais.

 

3.Através da contratação e elaboração de um plano de negócio (“business plan”), por profissionais especializados em planos com fins imigratórios, que será apresentado juntamente com a petição imigratória do investidor e sua família.

 

A boa notícia é que não existe limite na emissão de vistos E-2 e a sua aprovação é super rápida (3 meses em média)!   Já a má notícia é que o Brasil não mantém tratado comercial com os EUA….

 

Então, qual seria a solução para nossos compatriotas brasileiros?

 

Dependendo da cidadania de seus avós maternos ou paternos, se for a de um dos países com tratado comercial com os EUA, você deverá primeiramente solicitar a sua cidadania desse país para depois entrar com a solicitaçao do visto E-2.

 

Itália e Espanha, por exemplo, têm tratado comercial com os EUA. Portugal, já não mantém mais.

 

Este processo não deve demorar mais que 6 meses (com algumas exceções), e o que você vai precisar é ter em mãos um documento de identidade de seu avô/avó (original). Caso não tenha disponível, poderá tentar consegui-lo diretamente com os cartórios de família dos respectivos países.

 

PS: Há também um outro visto para países com tratado comercial, o E-1, mas é um pouco mais complicado, pois você terá que manter reciprocidade do negócio no respectivo país de sua cidadania.  Ou seja, a sua empresa naquele país deverá comprar bens e/ou serviços dos EUA e a sua empresa nos EUA deverá comprar bens e/ou serviços no pais de sua cidadania também.  Siga esse link a uma página da USCIS para obter mais detalhes:  CLIQUE AQUI

 

 

 

Student Visa

Visto de Estudante F-1

(link ao website da USCIS onde você poderá ver todos os detalhes deste visto: CLIQUE AQUI

 

Olha só. Para os que já se formaram faz tempo e estudar está absolutamente fora de cogitação, sugerimos reconsiderarem a sua posição.   Primeiro porque, de acordo com os cientistas, manter o cérebro ativo e desafiando-o com novas habilidades e conhecimentos é essencial para a manutenção de sua sanidade e também para evitar doenças como o Alzheikmer, por exemplo…

 

Segundo, porque é bem possível que você precise aperfeiçoar seu inglês, ou mesmo aprendê-lo desde o começo!

Então, vamos lá. Como essa estratégia lhe beneficiará?

Primeiramente, esta é uma das alternativas mais econômicas para quem quer permanecer legalmente nos EUA.

 

Segundo, o estudante poderá levar consigo, como acompanhantes, seu cônjuge e filhos menores de 21 anos.

 

Terceiro, uma vez estudando nos EUA e, preferencialmente comprando ou abrindo um novo negócio, você estará pouco a pouco se estabelecendo nos EUA e ficando mais perto de conseguir um visto melhor, ou mesmo o green card. Há pessoas que são contratadas por empresas enquanto estão fazendo algum curso universitário ou de especialização, como o MBA, por exemplo… E se a sua empresa crescer bastante, você poderá eventualmente se qualificar para o green card.

 

Mas nem tudo são flores… Existem algumas condições:

 

1.O interessado não poderá, de forma alguma, trabalhar enquanto estiver estudando. Poderá ser o dono de um negócio, mas não poderá estar ativamente trabalhando na empresa/negócio.  O ideal, nesse caso, é que o cônjuge administre o negócio do casal.

 

2.O interessado deverá demonstrar, na petição do visto, que dispõe de recursos financeiros líquidos para sustentar a si e a seus familiares, durante todo o período em que estiver estudando. Não poderá justificar ganhos futuros, tem que demonstrar que possui os recursos já disponíveis, para todo o período em que planejar estudar nos EUA.

 

Como a Florida 360 Realty, através de sua Divisão Concierge & Relocação de Estrangeiros, poderá lhe ajudar nessa estratégia:

 

1.Um de nossos advogados de imigração afiliados cuidará da sua petição  para o visto e o orientará em quanto à documentação e tudo o que for necessário para a submissão da petição.

 

2.Auxiliaremos no processo de busca e matrícula no curso que melhor se adaptar ao seu perfil e objetivos.

 

3.Caso faça parte de sua estratégia abrir ou comprar um negócio nos EUA e, posteriormente abrir suas portas para outras possibilidades nos EUA, faremos a busca e a corretagem de compra e/ou montagem de seu negócio.

 

Agora, quanto vai custar essa opção?

 

Vai depender muito da escola, localização e curso.   Poderá lhe custar mais ou menos entre 12 e 40 mil dólares ao ano, em média.

 

Fora isso, você tem que considerar o custo para manter-se e/ou a disponibilidade de capital para comprar ou montar um negócio/empresa.

 

L-1 Visa 

Visto de Transferência de Executivos L-1

(link ao website da USCIS onde você poderá ver todos os detalhes deste visto: CLIQUE AQUI

 

O visto mais comum e tradicional da categoria L-1 é aquele em que ao trabalhar para uma empresa no Brasil com filial nos EUA (por exemplo, uma mutinacional americana), ela te oferece transferência para você trabalhar nos EUA.   Ela então passa a ser o seu patrocinador (“sponsor”), requerendo o seu visto junto ao Depto. de Imigração dos EUA.

 

Infelizmente não é todo mundo que tem essa oportunidade, mas se você mesmo possui uma empresa no Brasil, hás mais de um ano, e a mesma tem reportado faturamento positivo (pelo menos no ultimo ano), o visto L-1 poderá ser uma solucão para você também.

 

Como se estruturaria esta solução:

 

Você terá que ter um capital (ideal 150 mil dólares ou mais) para:

 

    1. abrir nos EUA uma filial da sua empresa no Brasil   OU

    2. Abrir uma nova empresa em qualquer ramo ou indústria, mas que a mesma se torne subsidiária da que você tem no Brasil   OU

    3. adquirir uma empreasa ou negócio existente nos EUA e torná-la subsidiária da que você tem no Brasil. Você poderá vir como o dono dessa empresa, ou até mesmo como um executivo contratado da mesma. Ou seja, a empresa no Brasil poderá nem ser sua, mas você precisará ter trabalhado nela há um certo tempo e justificar a sua qualificação para abrir e manter a outra empresa nos EUA. Essa possibilidade é mais complicada, mas pode servir em vários casos.   Por exemplo, se você já trabalha para a empresa ou negócio de algum parente seu, poderão se tornar sócios da empresa a ser aberta nos EUA.Essa opção tem várias nuances, portanto não a descarte ainda, caso você não ache que se encaixe nela.A empresa que você vai abrir nos EUA não precisa ser grande, mas ela tem que ser operativa, empregar alguns funcionários etc.

    4. A Florida 360 também poderá ajudá-lo, não só na estratégia imigratória, mas também no seu planejamento, execução e tudo o que você vai precisar para se organizar. Só lembrando que nosso serviço de Concierge & Relocação de Estrangeiros também cobre as seguintes frentes:

  •  Mudança (transporte) de seus pertences e animais de estimação

  • Orientação e ajuda na obtenção de documentos locais (quando já estiverem nos EUA)

  • Matrícula dos filhos em escolas

  • Matrícula em cursos de inglês gratuitos oferecidos pelas escolas públicas

  • Abertura de contas de:  água, luz, TV a cabo, celular,  telefone fixo e Internet

  • Busca, contratação e gerenciamento de serviços domésticos (limpeza, jardinagem, manutenção de piscinas, pintura de imóvel, remodelação e manutenções em geral)

  • Entre outros… Veja lista completa de serviços CLICANDO AQUI.

 

E é claro, fazemos a busca e corretagem de seu imóvel para moradia e/ou investimento, que é nossa principal atividade!

 

Como sempre, estaremos à sua disposição para o que necessitarem, esperando vê-los em breve, disfrutando da liberdade, segurança e tranquilidade da Flórida!

 

FLORIDA 360 REALTY, LLC

Matriz: 2853 Executive Park Drive

Weston, FL – 33331

Tel: +1 (954) 449-2529

Tel: +1 (954) 325-2625 (atendimento em Português)

E-mail: support@florida360company.com

 

 

 

 



FILL THE FORM BELOW

Find the latest luxury homes
*=Required Fields

Max Price:
Min Price:
Min Rooms:
Min Baths:
Choose a City